quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Entenda o "complexo" Futebol Americano

'ATENÇÃO ATENÇÃO, está na hora de vocês bando de babuínos blogueiros que visitam esta página, lerem algo que realmente mereça tirar alguns minutos de suas vidas tediosas.'


     Antes de mais nada, quero agradecer o pessoal do blog aqui por me tornar membro oficial desse time de blogueiros. Já postei algumas coisas anteriormente aqui no fala-ê à convite da galera (Clique aqui para ler minhas outras postagens) e a partir de hoje terei um dia exclusivo. Todas as quintas feiras, pelo menos até o fim do mundo, vocês terão de ler este lixo de jargão acima que eu inventei em 1 minuto, chega de baboseira e vamos ao que interessa.




Escudo oficial da NFL (National Football League)

     A NFL (National Football League) ou Liga de Futebol Nacional, é o torneio de Futebol Americano mais famoso do mundo, muitos não acompanham por falta de entendimento daquilo que aos primeiros olhares achamos estranho.
     Particularmente, eu comecei a me interessar ano passado pois dois amigos meus da faculdade só falavam nessa coisa a manhã inteira, então pedi para eles me explicarem as regras e comecei a assistir. Vale dizer que não me arrependi, pois descobri um dos esportes mais emocionantes, estratégicos e organizados do mundo, depois do futebol hoje a NFL é o meu segundo esporte (e se o Palmeiras não voltar a série A esse ano a NFL será o meu primeiro esporte, hahaha). Bom, vamos explicar resumidamente o jogo para você poder assistir e não se perder nas transmissões do mesmo jeito que eu me perdia no começo...

* O campo é um retângulo com 120 jardas (109m e 73cm) de comprimento e 53 ⅓ jardas (48m e 76cm) de largura. Como você pode reparar na imagem abaixo, a marcação é feita de 10 em 10 jardas e de forma crescente de 0 a 50 e depois decresce de 50 a 0 novamente. OBS: 1 jarda = 91 centímetros

ilustração do campo de jogo


* O jogo possui 4 períodos de 15 minutos cada, totalizando 1 hora de jogo e tendo um intervalo após o 2º período. Caso no fim do tempo o placar esteja empatado, passamos ao Over Time (Prorrogação), onde quem pontuar primeiro, seja de que forma for, vence.

* Cada time possui 11 jogadores e substituições podem ser feitas no meio das jogadas. O principal jogador de cada time é o Quarter Back (lançador), ele é O CARA do time, o "camisa 10" que organiza as jogadas e dá os passes para os companheiros saírem livres com a bola em direção a End Zone. Atualmente o melhor Quarter Back da NFL é o astro Tom Brady, jogador dos New England Patriots. Tom Brady é considerado por muitos o melhor jogador da história da NFL, o PELÉ (ou Messi) do futebol americano, quase todos os recordes possíveis dentro da posição de Quarter Back são dele. Quase esqueço do menos mais importante, além de todas essas qualificações, Brady também é marido de Gisele Bundchen.
O astro Tom Brady e sua mulher, Gisele Bundchen

* O objetivo do jogo é anotar o touchdown (é como se fosse um gol). O touchdown vale 6 pontos e ainda dá direito ao Extra Point (um chute que quando acerta o meio daquela trave em forma de 'Y' vale 1 ponto a mais). Geralmente o touchdown é sinônimo de 7 pontos, ja que o Extra Point é facilmente acertado. Para se conseguir um touchdown, o time precisa invadir a End Zone do time adversário. A End Zone são as extremidades do campo, após a linha de 100 jardas, na ilustração do campo de jogo uns 2 itens acima, a End Zone é a área pintada onde está escrito a palavra 'touchdown'. Além do touchdown, outra forma de pontuar é o Field Goal que será explicado daqui a pouco.

* Na NFL, cada avanço é extremamente valorizado, mesmo que seja de apenas 1 jarda. Para isso cada time tem 3 tentativas de avançar 10 jardas (Primeira, Segunda e Terceira Descida). O avanço é caracterizado DOWN, caso em 3 ou menos tentativas a equipe tenha êxito em avançar 10 jardas, é caracterizado um DOWN e então ela passa a ter mais 3 chances de avançar mais 10 jardas, e assim sucessivamente, até que, chegue na End Zone do time adversário. Agora, se você chegou na 3ª tentativa, e não conseguiu o avanço de 10 jardas, vai para a 4ª descida e terá de escolher entre três opções:

1 - É a decisão mais comum nos jogos, que é devolver a posse de bola para o outro time chutando-a laaaaaaaa para longe.

2 - Se estiver perto o suficiente da trave em Y, tentar o FIELD GOAL (imagem ao lado), um chute que quando acertado vale 3 pontos. Se o kicker (chutador) for bom, a partir de mais ou menos 55 jardas, já é possível arriscar.

3 - tentar mais uma vez avançar as 10 jardas, e caso não consiga o time adversário começa com a posse de bola daquele ponto do campo e não laaaaaa longe como na opção 1. Dependendo de onde se está no campo (perto da sua própria End Zone por exemplo), é uma péssima ideia arriscar a 4ª descida.
* Cada posse de bola no jogo é super importante, sendo uma coisa horrível cometer o TURN OVER (perder a posse de bola quando ela é sua), vamos ver como pode-se perder a posse de bola:

1 - FUMBLE: Quando o jogador está correndo com a bola agarrada e deixa ela cair, isso torna a bola livre, quem pegar pegou, caso você recupere a bola está OK, mas, se o time adversário pegar primeiro é caracterizado o Fumble e um Turn Over vai parar nas suas estatísticas.

2 - Interceptação: Quando um jogador da outra equipe, pega a bola no ar, no meio de um passe do Quarter Back, é um passe interceptado e a posse de bola do seu time vai pro espaço.

3 - Outra forma da posse de bola voltar para ti, é após um touchdown ou field goal, mas nesse caso não é caracterizado como Turn Over, afinal, você não tem como fazer um gol e seu próprio time dar a saída de bola né?

* A temporada da NFL é dividida em Temporada Regular (fase classificatória) e Pós-Temporada (Playoffs, mata mata). A grande final da NFL é o famoso SUPERBOWL. O último foi disputado entre Baltimore Ravens e San Francisco 49ers, vitória dos Ravens por 34 a 31 num jogo pra lá de emocionante, digno de ouvirmos aquele 'HAJA CORAÇÃO' de Galvão Bueno. Uma jogada incrível aconteceu neste jogo, o touchdown mais longo da história do SuperBowl e um dos mais longos da NFL, o jogador dos Ravens, Jacoby Jones, atravessou o campo correndo 108 jardas para anotar o touchdown.



     O SuperBowl é mais que um jogo, um espetáculo, sempre com grandes shows (Black Eyed Peas, Madonna e no último Beyoncé).

     Bom galera, é isso, o resumão, quem quiser se interessar por detalhes, como as faltas e penalidades, linha de scrimmage, kick off, e outras coisas que fazem parte do jogo que não citei fica a dica-ê:




    No começo eu não tinha paciência de assistir os jogos inteiros, pois com as paradas técnicas e comerciais, cada joga dura 2h e 30m, as vezes mais, então comece aos poucos e dê sorte de assistir bons jogos e verás que espetáculo é este esporte. Quem for assistir pelos canais ESPN, terá o prazer de ver a transmissão com Everaldo Marques narrando e Paulo Antunes comentando, os caras são muito feras, fazem um trabalho muito bem feito e descontraído, vale a pena conferir.
     Sinto informar vocês meus súditos, que a temporada da NFL infelizmente só começa em Setembro, mas, deixo para vocês estes dois vídeos que já assisti umas 10 vezes e ainda vou assistir mais 10. Pois eles são muito bons e dão uma noção de como esse esporte é emocionante, a narração dos vídeos são dos profissionais da ESPN que citei agora pouco. Vale a pena conferir...




Bom, vou ficando por aqui, até a semana que vem, espero que suas mentes imundas iluminadas tenham gostado do meu primeiro post "oficial" se assim podemos dizer. Até a próxima-ê ;)





quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Feat.

FEAT. ou FT., vem do termo FEATURING, que é usado quando uma musica é cantada por mais de um artista. Não só “FEAT.”, mas também “&/and”, “VS.”, “prod. By”. E no Brasil, são os “participação especial” ou um simples “e”.

São estas simples palavras que unem nações, estilos, culturas, cores, e etc., em uma mesma música.

HipHop feat. Rap, Rock with Black, Samba & Axe, Pagode and Samba Rock, uma só REMIX, tudo isso é "nois" que pode.

Temos vários exemplos de musicas assim:


30 Seconds to Mars feat. Pitty




Ivete Sangalo Ft. Shakira



Shaggy ft. Rayvon





Roscoe Dash ft. Soulja Boy




Esta foi uma postagem de VNCthirty FEAT Daniel. Espero que tenham curtido e gostado. 

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Filmes Revolucionários em Computação Gráfica e Direção de Arte

Você pula da cadeira, solta um "WTF?!", da tapa na cara da sua vó com Alzheimer. Tudo isso motivado pelos maravilhosos efeitos que lhe foram proporcionados. Então eu, Matheus, um mero semi-ignorante em cinema, decidi separar alguns filmes que eu acredite que tenham marcado por sua "magia" nas telonas.


Jurassic Park (Parque dos Dinossauros)



O filme é de 1993, NOVENTA E TRÊS! Conta a história de uma ilha fictícia na Costa Rica onde um filantropo bilionário decidiu, só de zueirinha, clonar dinossauros e fazer um parque de diversões com isso. Mas se você nunca viu esse viu, você merece três tapa nessa sua cara gorda, pois é um verdadeiro clássico dos cinemas, da sessão da tarde e da computação gráfica. É incrivelmente impressionante os dinossauros, todos perfeitamente desenhados e criados, principalmente para um filme DE QUASE 20 ANOS ATRÁS!


Terminator 2 - Judgment Day (Exterminador do Futuro 2 - O Dia do Julgamento)



Para muitos, o melhor filme de ação de todos os tempos. Revolucionando e usando aquele bendito efeito Morphing, que NA ÉPOCA, foi sensacional (até com o tio Michael). Este filme, com pouco mais de 21 anos, mostrou que essa saga seria destruída em seguida a todos nós a junção de ação perfeitamente bem feita com efeitos de tirar o folego.


Avatar



Esse é mais recente, marcando a volta de James Cameron aos cinemas, desde Titanic. A capacidade do seu diretor tanto em dirigir (sério mesmo?) quanto em física (já que ele é formado nisso) resultou em um filme tão grandioso e marcante graficamente que ficou marcado na história. Talvez não tenha um enredo like a Tarantino, mas obviamente sua arte azul ficou marcada na história do cinema.

The Lord of the Rings ( Senhor dos Anéis)



Peter Jackson é realmente um gênio, isso é indiscutível. Uma das melhores adaptações da literatura para o cinema foi acompanhada de uma direção de arte completamente única e maravilhosa, juntando toda a fantasia da Terra Média ao cinema, e marcando quem assistiu essa maravilha de filme. Luzes, cenário, fotografia, personagens, monstros, TUDO perfeitamente criado.

Toy Story



O Primeiro filme criado inteiramente em computação gráfica. Simplesmente um mito criado pela genial Pixar, conhecida por ser a melhor nesse ramo. Se foi marcante pra mim, creio que tenha sido ainda mais para as crianças que na época nunca tinham visto algo parecido. Brilhante, e caso você não tenha visto esse filme ainda, vá para o inferno.


Matrix



Maravilhoso e épico Bullet Time. Um filme marcante, tanto por seu enredo conspiratório e lunático, quanto por revolucionar no gênero de ação. Há algumas partes das sequências com umas animações bem feias, mas o primeiro filme se sai bem nesse ponto, com o já ci tado antes, Bullet Time. O primeiro filme é disparadamente o melhor da trilogia, tanto pelos bons efeitos, quanto por não conseguir ser estragado pelo Keanu Reeves.


Star Wars - Trilogia Original



Fazem mais de 30 anos desde o início da trilogia, e ela ainda é a maior de todos os tempos e intocável. Revolucionou a questão da Ficção Científica, os saltos, sabres de luz, uso da força, Darth Vader, tudo. Uma Direção de arte perfeita, marcada por atuações marcantes em uma época que o George Lucas ainda não era um mercenário.

Life of Pi (As Aventuras de Pi)



Ganhador dos melhores efeitos no Oscar desse fim de semana, Pi conta a história de um garoto preso num barco com um Tigre de Bengala, basicamente. Mas o mais impressionante é que o filme tem todos os seus animais em computação gráfica, E É EXTREMAMENTE BEM FEITO! Eu posso dizer que, nunca vi algo parecido e tão bonito quanto os efeitos desse filme. O Detalhe é que eu nem o assisti ainda, só por trailers e imagens eu criei esse julgamento. E, estranhamente, a empresa que desenvolveu esses efeitos faliu. 


The Chronicles of Narnia (Crônicas de Narnia)



Aslam, outro ser que foi criado inteiramente em computação gráfica, e pela mesma empresa que desenvolveu o Tigre de "As Aventuras de Pi". Mas, não é só o Leão Jesus que marca nesse filme. Todo o cenário, seres e monstros são imensamente bem feitos e desenvolvidos.


Pirates of the Caribbean (Piratas do Caribe)



Todo o cenário, monstros, esqueletos são realmente marcantes, nesse que é um dos meus filmes preferidos. Fora a coisa mais marcante da edição de imagem de todo o filme, a barba do Dave Jones, algo que pouquíssimos profissionais seriam capazes de desenvolver. 


Obviamente alguns filmes ficaram ausentes dessa lista, mas é que eu não esperava que ficaria tão grande como ficou. Comentem sobre os filmes que marcaram vocês

Forte abraço, até semana que vem.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Vencedores do Oscar 2013



Ontem aqui no blog apresentamos os concorrentes de todas as categorias para a disputa do Oscar 2013. Hoje, como já é tradição deste blog apresentaremos os vencedores do Oscar 2013. Acompanhem:


Filme: “Argo”, de Ben Affleck

Diretor: Ang Lee (“As aventuras de Pi”)

Atriz: “Jennifer Lawrence (“O lado bom da vida”)

Ator: Daniel Day-Lewis (“Lincoln”)

Atriz coadjuvante: Anne Hathaway (“Os miseráveis”)

Ator coadjuvante: Christoph Waltz (“Django livre”)

Roteiro original: “Django livre”

Roteiro adaptado: “Argo”

Filme estrangeiro: “Amor”, de Michael Haneke (Áustria)

Fotografia: “As aventuras de Pi”

Montagem: “Argo”

Figurino: “Anna Karenina”

Maquiagem e penteado: “Os miseráveis”

Documentário: “Searching for Sugar Man”, de Malik Bendjelloul

Longa de animação: "Valente", de Mark Andrews, Brenda Chapman e Steve Purcell

Efeitos especiais: “As aventuras de Pi”

Trilha sonora: “As aventuras de Pi”

Canção original: “Skyfall”, de “007 — Operação Skyfall”, de Adele

Direção de arte (Design de produção): “Lincoln”

Curta-metragem de ficção: "Curfew", de Shawn Christensen, “Paperman” (animação) e “Inocente”, de Sean Fine e Andrea Nix (documentário)

Mixagem do som: “Os miseráveis”

Edição de som: “007 — Operação Skyfall” e “A hora mais escura” (empate)


Como puderam observar e já era esperado, o Oscar de melhor filme ficou com o "Argo" transformado em barbada desde a conquista do Globo de Ouro.

Recordista de indicações, concorrendo em 12 frentes, “Lincoln” teve que se contentar com duas láureas, a de melhor ator (esperadíssima) para o inglês Daniel Day-Lewis, e a de direção de arte (design de produção). A melhor atriz, como esperado, foi Jennifer Lawrence, de “O lado bom da vida” (“Silver linings playbook”)

Pela sétima vez desde que Oscar de melhor longa de animação foi criado, em 2002, a categoria contemplou o estúdio Pixar, parceiro da Disney, laureado desta vez por “Valente” (“Brave”). É incomum a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood deixar passar empates. Mas este ano foi aberta uma exceção. Na categoria melhor edição de som, foram laureados “007 - Operação Skyfall” e “A hora mais escura”. O longa de James Bond ganhou o prêmio de canção por “Skyfall”.

Vou ficando por aqui e espero que o seu filme favorito tenha ganhado alguma premiação. Abraços.



domingo, 24 de fevereiro de 2013

Cerimônia de entrega do Oscar 2013

Nesta noite será realizada a Cerimônia de entrega do Oscar da edição 2013 e para você que vai acompanhar não ficar de fora dos principais concorrentes, segue a baixo a lista dos indicados que foi anunciada no dia 10 de Janeiro.




Filme
"Indomável sonhadora"
"O lado bom da vida"
"A hora mais escura"
"Lincoln"
"Os Miseráveis"
"As aventuras de Pi"
"Amor"
"Django livre"
"Argo"


Diretor
Michael Haneke ("Amor")
Benh Zeitlin ("Indomável sonhadora")
Ang Lee ("As aventuras de Pi")
Steven Spielberg ("Lincoln")
David O. Russell ("O lado bom da vida)

Ator
Daniel Day-Lewis ("Lincoln")
Denzel Washington ("Voo")
Hugh Jackman ("Os miseráveis")
Bradley Cooper ("O lado bom da vida")
Joaquin Phoenix ("O mestre")


Atriz
Naomi Watts ("O impossível")
Jessica Chastain ("A hora mais escura")
Jennifer Lawrence ("O lado bom da vida")
Emmanuelle Riva ("Amor")
Quvenzhané Wallis ("Indomável sonhadora")

Ator coadjuvante
Christoph Waltz ("Django livre")
Philip Seymour-Hoffman ("O mestre")
Robert De Niro ("O lado bom da vida")
Tommy Lee Jones ("Lincoln")
Alan Arkin ("Argo")


Atriz coadjuvante
Sally Field ("Lincoln")
Anne Hathaway ("Os miseráveis")
Jacki Weaver ("O lado bom da vida")
Helen Hunt ("The sessions")
Amy Adams ("O mestre")

Filme estrangeiro
"Amor" (Áustria)
"No" (Chile)
"War witch" (Canadá)
"O amante da rainha" (Dinamarca)
"Kon-tiki" (Noruega)


Roteiro original
Michael Haneke ("Amor")
Quentin Tarantino ("Django livre")
John Gatins ("Voo")
Wes Anderson e Roman Coppola ("Moonrise kingdom")
Mark Boal ("A hora mais escura")

Roteiro adaptado
Chris Terrio ("Argo")
Lucy Alibar e Benh Zeitlin ("Indomável sonhadora")
David Magee ("As aventuras de Pi")
Tony Kushner ("Lincoln")
David O. Russell ("O lado bom da vida")

Animação
"Valente"
"Frankenweenie"
"ParaNorman"
"Piratas pirados!"
"Detona Ralph"

Documentário em longa-metragem
"5 broken cameras"
"The gatekeepers"
"How to survive a plague"
"The invisible war"
"Searching for a sugar man"

Documentário em curta-metragem
"Inocente"
"Kings point"
"Mondays at Racine"
"Open heart"
"Redemption"

Fotografia
"Anna Karenina"
"Django livre"
"As aventuras de Pi"
"Lincoln"
"007 – Operação Skyfall"

Edição
"Argo"
"A vida de Pi"
"Lincoln"
"A hora mais escura"
"O lado bom da vida"

Trilha sonora original
Dario Marianelli ("Anna Karenina")
Alexandre Desplat ("Argo")
Mychael Danna ("As aventuras de Pi")
John Williams ("Lincoln")
Thomas Newman ("007 – Operação Skyfall")

Canção original
"Before my time", de "Chasing ice" – J. Ralph (música e letra)
"Everybody needs a best friend", de "Ted" – Walter Murphy (música) e Seth MacFarlane (letra)
"Pi's lullaby", de "As aventuras de Pi" – Mychael Danna (música) e Bombay Jayashri (letra)
"Skyfall", de "007 - Operação Skyfall" – Adele (música e letra)
"Suddenly", de "Os miseráveis" – Claude-Michel Schönberg (música), Herbert Kretzmer (letra) e Alain Boublil (letra)

Efeitos visuais
"O hobbit: Uma jornada inesperada"
"As aventuras de Pi"
"Os vingadores"
"Prometheus"
"Branca de Neve e o caçador"

Edição de som
"Argo"
"Django livre"
"As aventuras de Pi"
"A hora mais escura"
"007 – Operação Skyfall"

Mixagem de som
"Argo"
"Os miseráveis"
"As aventuras de Pi"
"Lincoln"
"007 – Operação Skyfall"
Melhor curta-metragem
"Asad"
"Buzkashi boys"
"Curfew"
"Death of a shadow (doos van een schaduw)"
"Henry"

Curta-metragem de animação
"Adam and dog"
"Fresh guacamole"
"Head over heels"
"Maggie Simpson in 'The Longest Daycare'"
"Paperman"

Figurino
"Anna Karenina"
"Os miseráveis"
"Lincoln"
"Espelho, espelho meu"
"Branca de Neve e o caçador"

Design de produção
"Anna Karenina"
"O hobbit: Uma jornada inesperada"
"Os miseráveis"
"A vida de Pi"
"Lincoln"

Maquiagem e cabelo
"Hitchcock"
"Os miseráveis"
"O hobbit: Uma jornada inesperada"

O principal concorrente deste ano é "Lincoln", de Steven Spielberg, que disputa em 12 categorias, incluindo melhor filme, melhor diretor e melhor ator, para Daniel Day-Lewis. Em seguida, vem "As aventuras de Pi", de Ang Lee, com 11.







sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Morte no jogo Corinthians e San Jose - Críticas e opiniões

Na última quarta-feira o time do Corinthians estreou na Libertadores da América edição 2013 com um empate por 1 a 1 contra o San Jose da Bolívia. Mas o que teve destaque na mídia não foi o placar, não foi os danos que a altitude causa no jogador e nem a qualidade dos times. O que foi destaque na mídia em todo mundo foi a morte do torcedor do time boliviano que foi atingido por um rojão no olho. O torcedor tinha apenas 14 anos.

A mídia "caiu matando" na notícia tentando achar possíveis culpados. Minto, a mídia tentou criar possíveis culpados.

O foco deste artigo é mostrar as diferentes opiniões sobre o mesmo assunto, no caso a violência nos estádios de futebol e mais especificamente o acontecimento deste jogo.



O que mais chamou atenção foi o fato de que segundo o Código Disciplinar da Conmebol, que entrou em vigor neste ano, responsabilizaria o clube de futebol pelo comportamento de suas torcidas nos estádios. E o time em questão, no caso o Corinthians, seria punido severamente sendo até arriscado ser excluído da competição deste ano.

Já deixando bem claro meu ponto de vista sobre o assunto, acredito que a Conmebol não faria isto com o time porque primeiro a confusão ocorrida na final da Copa Sulamericana do ano passado não deu em nada. Segundo, qual seria o interesse de uma competição que recebe dinheiro de patrocinadores e de televisão pela imagem de um clube, excluir o atual campeão do Torneio e atual campeão Mundial?

Alguma atitude sim deve ser tomada, mas não em relação a instituição Corinthians. 

Usando as palavras do cantor J.C Sampa que escreveu em seu facebook: 

"Como um apaixonado pelo futebol e mesmo sendo torcedor de outro time; Espero que o CORINTHIANS NÃO seja prejudicado devido a bestialidade de um torcedor irresponsável. Quem tá em campo fazendo o espetáculo não tem nada haver com o isso."

J.C Sampa é um São Paulino fanático.

Entrando na questão de rivalidade entre torcidas, observei inúmeras críticas desnecessária contra a torcida do Corinthians com dizeres de vândalos e outras coisas mais. Sobre a opinião sem fundamento destes tipos de torcedores deixo a imagem abaixo.


Como puderam observar o ocorrido não é exclusividade apenas da torcida do Corinthinas. É um mal que acontece em todas as torcidas do Brasil e até do mundo. Então, após a leitura destes fatos, espero que a rivalidade DESNECESSÁRIA entre torcedores fique de lado neste momento.

Dando continuidade aos fatos, sabe-se que o time Boliviano pode dividir a responsabilidade do acidente com o time do Corinthians por permitir a entrada de sinalizadores, proibidos pelo código sul-americano, no local da partida.

Outros componentes do blog deixaram a opinião à respeito do assunto. Veja o que o companheiro Matheus Silva disse: 

"Não adianta ficar culpando só a torcida do Corinthians por isso. Todo mundo sabe que torcida organizada é a pior merda que existe no meio do esporte brasileiro, e infelizmente, certos tipos de tragédias podem acontecer quando pessoas irresponsáveis se juntam em um só local. Obviamente o torcedor não quis acertar o garoto, mas é um risco que se corre com sinalizadores nas mãos de imbecis."

Acredito que clube algum deve ser punido pelo o que a torcida faz na arquibancada. A punição deve ser voltado ao infrator e nesse caso o clube não infingiu nada. 

Eu sempre sou da tese que foi fatalidade. Por mais que torcedor quando se junta seja imbecil não creio que queriam matar o menino.

E a gente sabe que não, pois também tem as parábolas do vento e da altitude. Até parece que o torcedor mirou e disse " Vou matar aquele dali".

Apesar que pensando bem, ele pode ter pensado: "Vou mirar na torcida deles" Aí já seria diferente.

O sensacionalismo todo que a Rede Globo está fazendo é porque com o Corinthians, favela, bandido, cadeia, assassino é tudo a mesma ligação. E todos só estão pensando em vender jornal e não pensam em achar soluções para resolver este tipo de problema.

Mas apesar desta "fama", os torcedores do Corinthians não deram problema algum lá no Japão.

Um colega em comum expressou a opinião dele sobre a Rede Globo e escreveu o seguinte: 

"Essa Globo, usa de muita demagogia e sensacionalismo. Falam de um jeito como se o torcedor do Corinthians quisesse matar o garoto de 14 anos com o sinalizador."

Por Henrique Garcia

Por fim, veja as palavras de um torcedor fanático pelo clube que expressa toda a sua indignação sobre o ocorrido e a postura das emissoras de televisão e de torcedores rivais mal intencionados:

"Os times vão jogar a 4 mil metros de altitude (desumano). Não tem segurança nenhuma às delegações dos times visitantes. Na hora de uma cobrança de escanteio a torcida rival joga pedra. Na saída de campo eles jogam pedra também naquele túnel e a CONMEBOL não faz nada. Permitem fogos de artifício e agora culpam o Corinthians. Fatalidade não é crime. Vandalismo sim."



Tentei na medida do possível buscar a imparcialidade e ser justo com todas as opiniões, mas sei também que meu lado torcedor foi envolvido na questão, porém isso é algo pequeno quando levado em consideração as inúmeras injustiças e comentários maldosos que estão sendo feito.

Quero que você tenha sua própria opinião sobre o assunto e deixe aqui nos comentários sua crítica ou seu apoio ou qualquer coisa que você queira expressar aqui embaixo nos comentários.

Vou ficando por aqui e espero um artigo mais leve na próxima semana. Abraços a todos.



quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

A Polêmica dos Consoles da Futura Geração



Nas ultimas semanas, temos sido agraciados ao contrário com rumores que diziam que tanto o PS4, quanto o Xbox 720 (ou Infinity, nome não decidido) exigiriam que seu jogo fosse novo para jogar, ou seja, nada de vender jogos usados, porque eles não irão funcionar. Graças aos sete, a Sony desmentiu essa informação, já a Microsoft...

Eu entendo que a genialidade da Sony em usar o Blu-ray contra a pirataria deu muito certo, fazendo com que mais empresas preferissem ter seus exclusivos na mão da criadora do Playstation. E talvez, pelo método blu-ray, ela não tenha dito a real necessidade de gerar o bloqueio de jogos usados nessa 8ª geração de video games.

Já a Microsoft, sofreu horrores na mão da pirataria, tanto que, Alan Wake, um exclusivo do console, teve UM MILHÃO DE CÓPIAS PIRATAS VENDIDAS EM UM DIA. Isso é um número extremamente alto, o que pode sujar os sonhos de lucro para a empresa desenvolvedora e acaba também sujando o nome da Microsoft por não ter nenhuma política contra esse tipo de coisa. Logo, pode-se entender que esse seja um modo de combater o lucro perdido com a pirataria. Um modo complicado, mas um modo.

O fato é que isso tudo é uma péssima estratégia de marketing, tanto que os desenvolvedores do novo Xbox não negaram nem afirmaram essa informação, o que é um mal sinal. Creio que se não for desenvolvido algum modo de burlar isso, o uso do Xbox pode acabar caindo drasticamente, porque aos olhos do povo, acabariam não passando de mercenários. Mas pra mim, demonstram um medo enorme de perder seus lucros, o que, infelizmente, é possível e normal.

Um abraço, e até semana que vem.



quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Obrigado VNCthirty

A Equipe Blog Fala-ê vem através desta postagem avisar que nosso companheiro Vinicius Lima mais conhecido como VNCthirty está se desligando do blog. 
Devido a compromissos profissionais foi tomada a decisão por parte dele. Veja abaixo o e-mail enviado por ele:


"Comunico através deste e-mail que não faço mais parte dos colaboradores do blogfalae.blogspot.com. A partir desta próxima quarta-feira, 20/02/2013, não haverão postagens de minha autoria.
Muito agradecido pela oportunidade de ter participado deste trabalho."

VNC.

A Equipe Blog Fala-ê que agradece pelos anos de colaboração e lhe deseja muito sucesso e as portas sempre estarão abertas.

Vejam abaixo a última postagem feita por ele:


Relembre agora no link abaixo todas as postagens feito por este companheiro que hoje se despede.


Ficam as lembranças...

Ao Vivo e em português o PS Meeting 2013

Agora, dia 20 de fevereiro, as 20h (horário de Brasília), acontece em Nova York o PlayStation Meeting 2013, evento no qual a Sony promete revelar o futuro da linha de videogames PlayStation e que terá transmissão ao vivo em português.
O evento terá duração aproximada de 1h30m e a expectativa é que a empresa revele na apresentação o PlayStation 4.

As duas ocasiões anteriores em que a Sony utilizou o nome PlayStation Meeting foram em 2005 e 2011 para revelar, respectivamente, os detalhes de lançamento do PS3 e o anúncio do portátil PS Vita.

Clique na opçao selecionar uma camera diferente e escolha português. (Acompanhem).



Free live streaming by Ustream


Fonte:
Ustream 
Forum Perola Negra

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Adaptações que Deram Certo - Cinema, Literatura, Televisão e afins

Adaptações tem a fama de "estragar" franquias, como Resident Evil (se você é fã do game e do filme, parabéns, agora vai jogar paciência), Mario e Max Payne no mundo dos games, ou Percy Jackson já la literatura. Mas isso é bem simples de encontrar. Hoje eu citarei o contrário, as adaptações de todos os mundos de ficções que deram muito certo!


Game of Thrones



Da série de livros, Crônicas de Gelo e Fogo, da qual eu e o Luan Hunzicker (postador dos sábados) somos fãs. A série começa já com um bônus: é da HBO, e como muitos sabem, a HBO não falha. A série demonstrou ser uma adaptação fiel na medita do possível, já que sabemos que livros são completos e levaria a série a ter muito, mas muitos episódios, e sabemos que a HBO investe pesado em séries,  tanto em cenários quanto no elenco. Caso queira saber mais sobre a série, pesquise aqui no nosso site que tem muita informação sobre.


Senhor dos Anéis



Peter Jackson fez o improvável, transformou 3 livros historicamente conhecidos como longos e perfeitos, em três filmes, no mínimo excepcionais. Ambientação perfeita, trilha sonora, elenco, tudo bem feito. Eu, infelizmente não tive a oportunidade de ler os livros, mas almejo de verdade ter essa conquista desbloqueada logo.


Silent Hill



Me refiro ao primeiro filme. Creio que tenha sido a melhor adaptação de toda a história de um game para o cinema. O Medo é frenético, muda seu conceito sobre inferno e sofrimento, e te cativa de uma forma negativa, te perturbando e fazendo com que você reflita sobre a realidade paralela vista no filme.


Star Wars



Talvez a adaptação mais fiel da literatura para o cinema. A primeira trilogia da série, foi o que podemos chamar de ápice da ação/aventura com Sci-Fi. Um vilão épico, talvez o mais épico da história de toda ficção, com ainda mais personagens cativantes, e um elenco poderoso. Pena que no futuro lançaram aquela trilogia com o Episódio I vergonhosamente mal feito. George Lucas, um verdadeiro mercenário.


The Walking Dead


Eu sinceramente, prefiro o HQ, mas não nego que a série esta sendo muito bem feita. Mesmo sendo mais uma inspiração do que uma adaptação propriamente dita, achei que merece ser citada. Creio que escolheram perfeitamente bem o ator para interpretar o protagonista Rick Grimes, o qual esta tendo o merecido destaque atualmente. Outro ponto positivo, foi a série ter apresentado o personagem mais sensacional da mesma, e que não tem no HQ, Daryl Dixon. Quem assiste, sabe o que estou falando.


Harry Potter




Sucesso literário e no mundo do cinema entre os jovens. Trata da história que todos conhecem, do bruxo Harry Potter e seus amigos estudando em uma escola para pessoas da sua espécie, com toda a trama ocorrida mais ou menos em volta disso. O que mais chama a atenção nos cinemas, é a evolução não só na atuação, mas física dos personagens da série de filmes. Ambos começaram muito crianças, e após longos anos e oito filmes, cresceram, melhoraram, evoluíram e a Emma Watson ficou uma maravilha. Tudo certinho.


Avengers 



Adaptação de sucesso dos HQs para os cinemas. Todos sabemos quantos jargões esse filme nos deixou ano passado. Todo o "crossover" entre os heróis da Marvel sendo bem explicado e detalhando cada personagem, vilão e dando vazão a continuidade com um certo antagonista de primeira linha da Marvel, que vocês saberão se assistiram o filme. O Filme é literalmente imperdível pra você que curte HQs.


Galera, como vocês viram, esse post não teve muitas adaptações, até porque você adaptar um mundo da arte em outro, é quase um sinônimo de fracasso. Me recordei dessas raras exceções, e caso você não tenha visto nenhuma delas, veja, valem muito a pena.

Abraço, até semana que vem.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Todos os jogos do Mário

E aí, você conhece o Mário? É claro que conhece, pois todo mundo conhece a franquia de jogos do Mário.
Mas para quem vive em outro planeta e não conhece, Mário é uma grande franquia de jogos eletrônicos da Nintendo na qual Super Mário é o personagem principal. Olha ele ai embaixo:

    


Esta postagem irá tratar dos jogos principais da série Mário, jogos de plataforma em 2D e em 3D nos quais Mário é o principal personagem jogável, logo que ao longo dos anos Mário junto com seu irmão Luigi, têm estrelado vários jogos interpretando diversos papéis. 

Donkey Kong (1981)

Parece meio estranho, mas o Mário começou sua carreira de sucesso estrelando o jogo Donkey Kong de 1981 quando ainda era conhecido com Jumpman e tinha que salvar a princesa das garras de um macaco gingante.




Mário Bros (1983)

Somente em 1983 que o personagem foi estrelar seu próprio jogo desvinculado de Donkey Kong. Nesse jogo Mário é um encanador que tem que exterminar pragas que estão saindo pelos canos da cidade.




Super Mário Bros (1985)

Este é o jogo mais vendido de toda a história dos videogames com mais de 40 milhões de cópias. Neste jogo Mário percorre o Reino do Cogumelo tentando sobreviver às forças do vilão Bowser e salvar a princesa.




Super Mário Bros 2 (1988)

A versão americana deste jogo apresenta uma jogabilidade totalmente diferente do original Super Mario Bros e o jogo todo é um sonho do Mário. É uma adaptação do jogo Japonês Doki Doki Panic, onde os americanos não gostaram do grau de dificuldade do Super Mário Bros 2 original japonês e adaptaram para o mercado ocidental.




Super Mário Bros 3 (1988)

Esse é o famoso jogo em que o Mário vira a raposinha e percorre um mapa com diversos caminhos. Neste jogo Bowser enviou seus sete filhos para o Mundo dos Cogumelos e transforma os reis em animais. Cabe a Mário e seu irmão Luigi recuperar os cetros mágicos e fazer com que os reis voltem ao normal.



Super Mário Land (1989) 

Este foi o primeiro jogo do Mário lançado para o Game Boy. Não é uma sequencia direta ou legítima do Super Mário Bros, mas é semelhante em sua jogabilidade. No jogo, Mário tem que resgatar uma princesa diferente da que conhecemos com o nome de Daisy das garras do vilão Tatanga.



Super Mário World (1990) 

O jogo que vinha gratuito no Super NES, por isso todo mundo já jogou, conta em seu enredo o Mário atravessando a Ilha do Yoshi seu novo parceiro para salvar a princesa Peach das garras do vilão Bowser.




Super Mário Land 2 - 6 Golden Coins (1992)

É a sequencia do Super Mário Land lançado para Game Boy e nesse jogo aparece pela primeira vez o anti-heroi Wario.




Super Mário World 2 - Yoshi's Island (1995)

Apesar de levar o nome de Super Mário World, não é uma sequencia propriamente dita do primeiro Mário World. O jogo se passa antes dos ocorridos em Super Mário Wolrd (1) onde Mário e Luigi ainda são bebes e o Dinossaurinho Yoshi  precisa evitar que Mário e Luigi sejam capturados Toadies.




Super Mário 64 (1996)

Lançado para Nintendo 64 o jogo ajudou alavancar a venda do console. O jogou passou de 2D pra 3D e conseguiu preservar perfeitamente os aspectos dos antigos jogos do Mário. O Mário tem como missão encontrar as 120 estrelas que Bowser roubou do castelo da Princesa Peach e escondeu em quadros. O Mário tem que salvar a princesa também, é claro.




Super Mário Sunshine (2002)

Depois de 6 anos o Mário volta a ser lançado em 3D dessa vez para o console GameCube. Mais uma vez Mário tem que salvar a princesa só que dessa vez ele tem que limpar a cidade das pichações feitas pelo filho de Bowser.




New Super Mário Bros (2006)

É um jogo que foi lançado para o portátil Nintendo DS voltando para a plataforma 2D. É baseado nos jogos clássicos do personagem, mas não tem uma sequência direta com eles. Mais uma vez Mário tem que salvar a princesa e enfrentar tradicionais e conhecidos vilões.



Super Mário Galaxy (2007)

Voltando para o 3D, sendo o terceiro da série, Mário segue pelo espaço para salvar a Princesa Peach do vilão Bowser.



New Super Mário Bros. Wii ( 2009)

Lançado para Wii é o primeiro jogo que podem jogar 4 pessoas simultaneamente. Nessa aventura, Mário, Luigi, Toads amarelo e azul tem que salvar a princesa que foi aprisionada dentro de um bolo.



Super Mário Galaxy 2 (2010)

Esta é a sequência da aventura de Mário pelas galaxias para salvar a Princesa Peach.




Super Mário 3D Land (2011)

O jogo é considerado uma combinação de Super Mário 64 com Super Mário Galaxy e New Super Mário Bros e foi lançado para Nintendo 3DS. Mario e os Toads vão ao resgate da princesa que foi capturada mais uma vez pelo Bowser.



New Super Mário Bros 2 (2012)

A sequência do jogo lançado para Nintendo DS saiu para a plataforma 3DS. O jogo tem como meta coletar o maior número de moedas possíveis  e apresenta um modo competitivo e outro cooperativo, onde você poderá jogar com Mário e Luigi no modo história juntos.



New Super Mário Bros U (2012)

Em uma mudança de ritmo de sua rotina habitual, Bowser, juntamente com os Koopalings, decide invadir o castelo da Princesa Peach, usando um braço mecânico gigante para jogar Mario, Luigi, e os Toads, para longe de Mushroom Kingdom. Então Mario e seus amigos devem se aventurar por 7 reinos procurando o caminho de volta ao castelo para parar os planos de Bowser e salvar a Princesa Peach.




Espero que tenham gostado da postagem, onde procurei organizar de forma única os principais jogos do Mário. Aguardo vocês na próxima postagem. Abraços.
  
Fonte