sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

O que já se sabe sobre a 2ª temporada de Stranger Things

ATENÇÃO, ALERTA DE SPOILER 



Stranger Things foi, sem dúvidas, um dos maiores destaques de uma série na Netflix em 2016.

Mesmo com tudo que aconteceu nesse ano fatídico, os criadores da série não demonstraram desânimo e logo confirmaram uma segunda temporada para 2017.

Até agora já sabemos que, dessa vez haverá 9 episódios, um a mais do que a 1ª temporada e que será definido no ano de 1984 um ano após os acontecimentos que se desenrolaram na primeira série.

Junto com o teaser da próxima temporada, a Netflix também decidiu divulgar os títulos dos episódios: 1 - "MadMax", 2 - "O menino que Ressuscitou", 3- "A Plantação de Abóboras", 4 - "O Palácio", 5 - "A Tempestade", 6 - "O Girino", 7 - "A Cabana Secreta" , 8 - "O Cérebro" e  9- "O Irmão Desaparecido".




Embora a data de lançamento é resumida como "em algum momento de 2017", é provável que isso aconteça do meio do ano pra frente, pois as filmagens ainda estão sendo executadas. 

No que diz respeito aos personagens, nós veremos algumas caras novas, porém o elenco antigo retornará completamente também. 

A garota citada no primeiro episódio, Max, será interpretada por Sadie Sink e Dacre Montgomery irá interpretar seu irmão mais velho, Billy, que é descrito como um carismático e clássico badboy que rouba namoradas. 

Sadie Sink e Dacre Montgomery

Também foi adicionado ao elenco Sean Astin que fará uma aparição como um ex-nerd, com nome de Bob Newby, que frequentou o ensino médio com Joy ( Winona Ryder ), mas que agora gerencia o Hawkins RadioShack e será o novo namorado de Winona para o desgosto de Chief Hopper, o chefe de polícia.  

 Sean Astin

O quarto novo membro que foi anunciado trata-se de Paul Reiser. Ele aparecerá na tela como Dr. Owens. 

Paul Reiser

Finalmente, outra personagem novata que será adicionada é Roman, que será interpretada pela atriz dinamarquesa Linnea Berthelsen, que de alguma forma estará ligada aos eventos de 1983. Ela não é da cidade, mas teria sofrido suas próprias perdas quando criança sendo alguém emocionalmente bastante modificada. 

Linnea Berthelsen

No último episódio da primeira temporada, Will Byers vomita uma lesma e a segunda temporada começa a partir dali. Pode ser que ele tenha se transformado num mostro da outra dimensão ou possa ter ocorrido algum efeito nele do mundo invertido. Teremos que assistir. 



Com certeza o triangulo amoroso envolvendo Steve, Nancy e Jonathan será mais explorado, já que o resultado da primeira temporada não foi exatamente o que o público esperava. 

Já a amiga de Nancy, de nome Barb aparentemente, pelas entrevistas dado pelos atores, realmente morreu. No entanto, foi prometido que haverá justiça e a mesma não será esquecida. 

Fica aqui nossa ansiedade para saber como desenrolará essa história, se o mostro Demogorgon deixou alguma vestígio ou "filhote" e o rumo que tomará o mundo invertido. 




quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Rogue One em 8-Bits



Quando estreou nos cinemas, o mundo todo amou Rogue One , inclusive eu,  e pensando no sucesso do filme, os caras da Cinefix imaginaram como que seria se o mesmo fosse transformado num jogo antigo de 8-Bits. 

Cheio de efeitos e sons "a lá" SNES, você poderá acompanhar a viagem da Aliança Rebelde em várias batalhas contra stormtroopers para tentar destruir a Estrela da Morte.

Infelizmente, no momento é apenas um vídeo do You Tube, mas quem sabe um dia alguma empresa não resolva transformá-lo num game real, não é mesmo?


Bom, espero que tenham gostado, pois eu achei muito legal e fiel ao filme. A postagem de hoje é curtinha  e espero vocês novamente aqui amanhã. 

Não esqueçam de compartilhar a postagem nas redes sociais. Abraços. 


quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Famosos casos de "gato" no futebol brasileiro



Como é feito tradicionalmente a muitos anos, a final da Copa São Paulo é realizada no aniversário da cidade, 25 de Janeiro. E na edição de 2017 as equipes que disputarão a final são a do Corinthians contra a do Batatais. Como o jogo será realizado às 16 horas e não posso falar que o campeão será o Corinthians. 😀

Mas o que realmente tomou os noticiários nos últimos dias, foi o caso do "gato" envolvendo o jogador do Paulista de Jundiaí que culminou na desclassificação da equipe que teve que ceder sua vaga na final para o time do Batatais. 

Para quem não sabe, o chamado "gato" no futebol é quando um atleta, por um motivo qualquer, altera seu ano de nascimento para poder obter vantagem e participar de jogos em categorias diferentes. Por exemplo, ser mais velho e participar numa categoria com jogadores mais novos. 

Acredito que você deve ter lido muito sobre essa notícia e percebido o quão grave foi a situação em questão. Porém, essa não foi a primeira e possivelmente não será a última vez que ocorrências dessa magnitude aparecerão. Há registros de muitos outros casos famosos no futebol brasileiro que envolveram atletas que adulteraram seu registro. 

Acompanhe agora alguns desses casos: 

Caso Sandro Hiroshi 



Tudo começou no dia 04 de agosto de 1999, dia em que o São Paulo aplicou uma goleada no Botafogo por 6 a 1, em jogo válido pelo Brasileirão daquele ano.

O grande destaque foi o atacante França, que fez três gols. Anderson Lima, Souza e Sandro Hiroshi completaram para o Tricolor, enquanto Valdir descontou para o Botafogo. Poucos dias depois, o Alvinegro entrou com um pedido de anulação da partida, alegando que o atacante Sandro Hiroshi estava inscrito em situação irregular.

O que houve foi a descoberta que o atacante em questão havia adulterado sua idade há muitos anos antes. 

Resultado foi que o Botafogo conseguiu que a partida fosse anulada, recebendo os pontos da mesma. Pelo mesmo motivo o Internacional entrou no STJD e ficou com os ponto do jogo contra o São Paulo, que havia terminado empatado. 

Devido essa confusão de tira ponto e dá ponto, quem acabou sendo rebaixado naquele ano foi o time do Gama - DF que se sentiu prejudicado e entrou na Justiça Desportiva e indo até a Justiça Cível, onde ganhou a causa, impedindo a CBF de organizar o Brasileirão do ano seguinte sem incluir o clube do Distrito Federal.

Depois que o Gama entrou na Justiça Cível, o Campeonato Brasileiro de 2000 ganhou o nome de Copa João Havelange (Copa JH), sendo organizado pelos clubes e não pela CBF. Tudo por culpa de um atleta irresponsável que ficou um ano mais jovem na certidão. 

Caso Emerson Sheik 



O atacante na verdade se chama Marcio e o Emerson vem justamente de uma modificação nos documentos para diminuir em três anos a idade verdadeira. A fraude foi descoberta em 2006 pela Polícia Federal quando ele tentava embarcar para os Emirados Árabes.

Pelo documento falso, Márcio Passos de Albuquerque virou Márcio Emerson Passos e do nascimento em 1978 mudou para 1981. Como punição, teve de desembolsar R$ 70 mil em multa, além de prestar serviços comunitários pelo período de 18 meses.

A carreira prosseguiu normalmente e chegou a ser campeão no Fluminense, no Flamengo e no Corinthians, onde foi o herói da conquista da Libertadores de 2012.

Caso Carlos Alberto 



Outro caso conhecido foi do volante/lateral direito que diminuiu em cinco anos sua idade. Isso fez com que perdesse a oportunidade de defender o São Paulo, que já em 2006 demonstrou interesse no jogador que vinha se destacado no Figueirense.

A certidão falsa de nascimento ainda colocava que ele nasceu na cidade carioca de São Matheus, inexistente. Mas, apesar de ter adulterado os documentos, ficou seis meses suspenso e prosseguiu a carreira depois e chegou até a defender o Corinthians.

Caso Vanderlei Luxemburgo 



Antes o nome era gravado Wanderley Luxemburgo, mas tudo mudou após ele ser indiciado pela Polícia Federal em 2000 sob a acusação de falsidade ideológica.

O documento encaminhado à PF tinha como data de nascimento de Luxemburgo 10 de maio de 1952, enquanto o treinador utilizada um documento com data de 1955.

Segundo reportagem da "Folha de S.Paulo", o treinador admitiu ter adulterado a idade para poder jogar quando jovem os torneios juniores pela seleção brasileira, como o de Toulon, um dos mais famosos, e poder se destacar no futebol.

As denúncias ocorreram quando ele estava no comando da seleção brasileira, em 2000, o que gerou uma grande crise na equipe. Posteriomente foi demitido pela CBF.

Caso Maxwell



O lateral esquerdo chegou a ser campeão brasileiro pelo Flamengo, em 2009, mas com o nome de Jorbison e com dois anos a menos do que o real.

A verdade só foi revelada em 2012, quando o próprio jogador confessou ao retornar ao clube rubro-negro de um empréstimo ao Duque de Caxias. Admitiu que havia adulterado a data de nascimento (a falsa era 30 de dezembro de 1991 e a verdadeira era 23 de outubro de 1989) e trocou o nome de Maxwell Batista da Silva para Jorbison Reis dos Santos.

Por isso teve o contrato rescindindo com o Flamengo e foi jogar no Corinthians-AL. Não foi punido nem o Flamengo penalizado. Mas o jogador jamais conseguiu atuar por outra grande equipe. Passou por Colorado, Guaratinguetá, Desportiva-ES, Sergipe, entre outros.

Caso Rodrigo Gral



O atacante então no Grêmio reduziu dois anos da própria idade alterando a documentação de nascimento e chegou até a jogar da Copa do Mundo de juniores pela seleção brasileira, na Nigéria, em 1999. A falsificação teria ocorrido em 1995 e foi descoberta em 2000.

Na documentação original, ele tinha data de nascimento em 21 de fevereiro de 1997, enquanto que na documentação adulterada aparecia como 1979.

Apesar da falsificação, não foi punido. Além do Grêmio, ele jogou por Flamengo, Bahia, Santa Cruz, Chapecoense, entre outros clubes.




Outros casos com menos destaque foram o do atacante Elkeson que alterou sua documentação em dois anos para poder entrar na categoria de base do Vitória. Não chegou a ser punido e seguiu sua carreira normalmente. E o caso do jogador Anaílson que fez fama no São Caetano, chegou a ser punido pela CBF, mas continuou a carreira chegando a ser campeão Paulista Azulão e vice da Libertadores e do Brasileiro pelo mesmo.




terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Os indicados ao Oscar 2017



Com direito a 14 indicações ao filme "La la land" e recorde da atriz Meryl Streep, saiu a lista dos indicados aos Oscar de 2017.

O filme "La la land: Cantando estações" igualou ao recorde do Oscar. A marca é a mesma de "Titanic" (1997) e "A malvada" (1950).



A atriz Meryl Streep foi indicada ao Oscar de melhor atriz por seu papel na comédia musical “Florence: Quem é Essa Mulher?". Esta foi a vigésima vez que ela recebeu uma indicação ao prêmio, sendo que levou a estatueta três vezes.

A 89ª edição da cerimônia acontecerá em 26 de fevereiro, em Los Angeles. 

Segue a lista: 

Melhor Filme 

"A chegada"
"Até o último homem"
"Estrelas além do tempo"
"Lion"
"Moonlight: Sob a luz do luar"
"Cercas"
"A qualquer custo"
"La la land: Cantando estações"
"Manchester à beira-mar"

Melhor Diretor 

Dennis Villeneuve ("A chegada")
Mel Gibson ("Até o último homem")
Damien Chazelle ("La la land: Cantando estações")
Kenneth Lonergan ("Manchester à beira-mar")
Barry Jenkins ("Moonlight: Sob a luz do luar")

Melhor Ator 

Casey Affleck (“Manchester a beira mar”)
Denzel Washington (“Cercas”)
Ryan Gosling (“La La Land – Cantando estações”)
Andrew Garfield (“Até o Último Homem”)
Viggo Mortensen (“Capitão Fantástico") 

Melhor Atriz  

Natalie Portman (“Jackie“)
Emma Stone (“La La Land - Cantando estações“)
Meryl Streep (“Florence: Quem é essa mulher?“)
Ruth Negga (“Loving“)
Isabelle Huppert (“Elle“ )

Melhor Ator Coadjuvante  

Mahershala Ali (“Moonlight: Sob a luz do luar“)
Jeff Bridges (“Até o Último Homem”)
Lucas Hedges ("Manchester à beira-mar")
Dev Patel (“Lion: uma jornada para casa”)
Michael Shannon ("Animais noturnos")

Melhor Atriz Coadjuvante 

Viola Davis ("Cercas")
Naomi Harris ("Moonlight: Sob a luz do luar")
Nicole Kidman ("Lion")
Octavia Spencer ("Estrelas além do tempo")
Michelle Williams ("Manchester à beira-mar")

Melhor Fotografia 

"A chegada"
"La la land"
"Moonlight"
"O silêncio"

Melhor Animação 

"Kubo e as cordas mágicas"
"Moana"
"My life Courgette"
"The red turtle"
"Zootopia"

Melhor Filme em Língua Estrangeira 

"Land of mine"
"A mand called Ove"
"O apartamento"
"Tanna"
Toni Erdmann"

Melhor Roteiro Original 

"La la land: Cantando estações"
"Manchester à beira-mar"
"A qualquer custo"
"O lagosta"
"20th century woman"

Melhor Roteiro Adaptado 

"Moonlight" 
"Lion"
"Cercas"
"Estrelas além do tempo"
"A chegada"

Melhor Documentário 

"Fire at sea"
"I am no your negro"
"Life, animated"
"O.J. Made in America"
"13th"

Melhor Curta-Metragem 

"Ennemis Intérieurs"
"La femme et le TGV"
"Silent night"
"Sing"
"Timecode"

Melhor Curta-Metragem de Animação 

"Blind Vaysha"
"Borrowed time"
"Pear Cider and Cigarettes"
"Pearl"
"Piper"

Melhor Documentário em Curta- Metragem

"Extremis"
"41 miles"
"Joe's violin"
"Watani: My homeland"
"The white helmets"

Melhor Edição 

"A chegada"
"Até o último homem"
"A qualquer custo"
"La la land: Cantando estações"
"Moonlight: Sob a luz do luar"

Melhor Edição de Som 

"A chegada"
"Deepwater horizon"
"Até o último homem"
"La la land: Cantando estações"
"Sully: O herói do rio Hudson"

Melhor Mixagem de Som 

"A chegada"
"Até o último homem"
"La la land: Cantando estações"
"Rogue One: Uma história Star Wars"
"13 Hours: The secret soldiers of Benghazi"

Melhor Design de Produção 

"A chegada"
"Animais fantásticos e onde habitam"
"Ave, Cesar!"
"La la land: Cantando estações"
"Passageiros"

Melhores Efeitos Visuais 

"Deepwater horizon"
"Doutor Estranho"
"Mogli"
"Kubo and the two string"
"Rogue One: Uma história Star Wars"

Melhor Canção Original 

"Audition (The fools who dream)" ("La la land: Cantando estações"
"Can't stop the feeling" (Trolls")
"City of stars" (La la land: Cantando estações")
"The empty chair" (Jim: The James Foley Story")
"How far I'll go" ("Moana")

Melhor Trilha Sonora  

Micha Levi ("Jackie")
Justin Hurwitz ("La la land: Cantando estações")
Nicholas Britell ("Moonlight: Sob a luz do luar")
Thomas Newman ("Passageiros")

Melhor Cabelo e Maquiagem 

"A man called Ove"
"Star Trek: Sem fronteiras"
"Esquadrão suicida"

Melhor Figurino 

"Allied"
"Animais fantásticos e onde habitam"
"Florence: Quem é essa mulher?"
"Jackie"
"La la land: Cantando estações"



segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Quando tínhamos que rebobinar a fita



Você já ouviu falar do sistema VHS ou fitas de VHS? Pois então saiba que antes de aparecer os DVD's ou Blue Ray, era com esse sistema que assistíamos filmes na tv da nossa casa. 

O termo VHS significa Video Home System que é a tradução de Sistema de Vídeo Caseiro.

Foi um sistema de gravação de áudio e vídeo desenvolvido pela  Victor Company of Japan (JVC) na década de 70 mais especificamente em 1976. 

Esse formato de vídeo foi predominante durante o final dos anos 70, emendando e chegando ao auge nos anos 80 e 90. 

Lembro que na minha infância alugávamos essas fitas para assistir os lançamentos dos cinemas tal como fazemos com o DVD atualmente, porém com uma diferença básica. Ao terminar de assistir ao filme tínhamos que rebobiná-la. 

Para quem não está familiarizado com o termo, rebobinar nada mais é do que voltar o vídeo para o seu começo. 

O rebobinamento do VHS era algo tão sério que tinha locadoras que cobravam uma taxa caso você não fizesse. Claro que não era levado ao pé da letra, pois cansei de alugar filmes e quando colocava no aparelho de videocassete todo empolgadão para assistir, PIMBA! Os créditos do filme começavam a subir indicando que o infeliz que ficou com ela anteriormente não fez, e lá ia você tendo que fazer o serviço que o abestado anterior deixou de fazer. Eram de 10 a 20 minutos para deixar a fita no ponto certo. 

Só quem viveu nessa época teve o prazer de alugar o clássico Rei Leão da Disney que possuía a cor verde. Quem lembra?  A Disney depois lançou outros clássicos que também vinha com a fita colorida.



Nesse mesmo período meus pais compraram um videocassete que gravava as imagens da televisão. Uma alegria só, minha mãe gravava todos os filmes e especiais de final de ano que passavam na Globo para nunca mais ver de novo ( kk) Era um tão de Roberto Carlos e Xuxa Especial além dos clássicos Esqueceram de Mim e O Máskara. 

Com o tempo e por ficarem por um longo período guardadas, essas fitas acumulavam fungos e mofo e praticamente perdia seu conteúdo. Você tentava reproduzir e não conseguia, a imagem vinha comprometida e elas acabavam indo para o lixo. Nessa época não sabíamos que existia uma forma de limpá-las. Quantos arquivos de família não foram perdidos por falta de informação, uma pena.  



Infelizmente ( ou felizmente ) a tecnologia sempre avança e com a chegada dos DVD's houve um declínio e os VHS perderam mercado. Hoje, apenas os nostálgicos, colecionadores e àqueles que ainda possuem arquivos de cunho pessoal continuam utilizando os mesmos. Já eu, apenas guardo na minha memória a época que eu tinha que rebobinar as fitas. 


sábado, 21 de janeiro de 2017

Voltando à rotina



Não, eu não menti. O blog não entra de férias, mas é que eu não imaginei que uma simples viagem de final de semana pudesse ser alongada por tanto tempo. Foi tão proveitosa que tive que ficar mais dias e consequentemente, meio que acabei "esquecendo" o blog. 

Viajei, fui à praia, passei alguns dias num sítio, nadei na piscina, andei a cavalo, capturei dois sapos com as mãos e salvei o dia de donzelas indefesas, entre outras coisas. 

O saldo foi até positivo, várias contas para pagar e meu cartão de crédito bloqueado. Não tenho culpa que minha fatura só chegou após eu já ter ido viajar. Eu tinha o dinheiro, queria pagar, mas demorou muito pra chegar essa fatura, então já viu né!? ( kkk)😁

O desafio agora é tentar organizar minha vida novamente e voltar à rotina. Já li os 500 emails que haviam na minha caixa de entrada e me familiarizei com as principais noticias do Brasil e do mundo para ter do que conversar com os amigos nas rodas de conversa. Parece loucura, mas me desliguei de tudo mesmo. Férias boas são assim. 

Infelizmente, como não poderia viver essa vida para sempre, tive que voltar para a minha realidade ( a chuva tem influência nisso também). 

Na próxima segunda feira dia 23 já teremos postagem nova e tentarei movimentar o blog a todo vapor. 

Agradeço desde já pela paciência e espero que vocês continuem nos acompanhando e que 2017 seja ainda melhor do que foi 2016. Abraços.




segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Top lançamentos da Playstation em 2017

Olá pessoal, o blog não entra de ferias e nesse segundo dia do ano já temos uma postagem novinha saindo do forno.

Você que vibrou bastante quando finalmente o ano de 2016 terminou, pois foi um ano repleto de turbulências e mortes de celebridades, terá motivos para vibrar ainda mais. Já que temos a esperança que 2017 será um ano bem melhor, não é mesmo?

Que a Playstation seja abençoada por nos dar a alegria de ter ótimos jogos planejados para 2017. Acompanhem os dez próximos lançamentos nos games que já nos deixam mais do que nunca ardendo de empolgação.

The Last of Us Part II




Esse será os 4 minutos mais empolgantes que você poderá ver em um trailer de game para 2017, pode ter certeza.
Ellie e Joel continuam sua aventura pós apocalíptica à partir da onde parou na primeira parte do PS3. O jogo ainda está em desenvolvimento para que possa ser lançado do jeito que os fãs merecem. Então segura um pouco a onda, pois pode demorar ainda um tempo para você ter seus polegares presos a ele.  Mas uma coisa é certa, esse jogo já merece o topo da lista como sendo o mais esperado do ano.

Crash Bandicoot: N. Sane Trilogy




O marsupial de calças azuis que impedia de você fazer suas lições de casa há alguns anos atrás, está de volta nessa remasterização plus. Percebe que não se trata de um "rameke" e nem de uma remasterização. Se trata de uma "remasterização plus"! Se você não tem ideia do que isso quer dizer, veja como o próprio diretor do jogo Dan Tanguay explicou: "Usando do original da Naught Dog como guia, reconstruímos a jogabilidade do Crash, capturando sua simplicidade e precisão. À medida que tudo começou a ganhar forma, mergulhamos na nossa própria arte, animação e áudio." Ótimo, seremos surpreendidos.

Uncharted: The Lost Legacy




A série de aventuras agora vai além da narrativa de Nathan Drake. Temos agora uma nova estrela independente, trata-se de Chloe Frazer, que se você jogou o segundo jogo, com certeza vai se lembrar dela.
Chloe está numa missão para recuperar um antigo artefato que irá levá-la através das montanhas da Índia. Tem tudo para ser outro grande sucesso.

Horizon Zero Dawn




Esse jogo mistura tudo de mais legal do Far Cry Primal: Um cenário arrebatador, uma caçada com armas rudimentares, bestas domesticadas e acrescentam ainda robôs gigantes badass. Não precisamos dizer mais nada, basta aguardarmos o dia 28 de fevereiro.

Marvel vs. Capcom Infinite


 

Prepare-se para começar a dar chutes e socos em todos os rostos que você conhece do universo Marvel e Capcom. E tudo isso virá embrulhado em gráficos reais. Um prato cheio para os fãs do gênero.

Persona 5




Quer saber o quão nerd seu amigo nerd é? Veja se ele tem o dia 4 de abril circulado em seu calendário. Se ele fez, você convive com um hipernerd de primeira que está contando os dias até que o muito aguardado RPG japonês Persona 5 chegue às lojas digitais.
O protagonista do jogo tem a capacidade de entrar nos corações das pessoas e forçá-las a enfrentar seu verdadeiro "eu". Parece interessante, não é mesmo?

Windjammers




Este jogo apareceu pela primeira vez em máquinas de arcade Neo Geo por volta de 1994 e está sendo reformulado para PS4 e PS Vita. Nostalgia pura.

The Last Guardian




A história do vínculo entre um menino e uma besta gigantesca.

Nioh




Durante o período histórico Sengoku no Japão, Nioh segue um desonesto samurai chamado William que usa uma espada e bate em geral. Previsão de lançamento para início de fevereiro.

PaRappa The Rapper Remastered




Chop Chop Master Onion, Instructor Mooselini, Cheap Cheap The Cooking Chicken estão de volta nessa estranha escola de rap que faz parte da comemoração do 20º aniversário do jogo com esse re up. Um tanto quanto interessante.